esperando godot

Estou aflito. À espera de resultados em um monte de apostas no campo profissional:

– um projeto de pesquisa que encaminhei para o CNPq (edital Universal)

– um outro projeto que apresentei para o Programa Integrado de Graduação e Pós-Graduação da Univali (PIPG)

– uma proposta de comunicação científica para o Colóquio Bi-nacional Brasil Argentina de Ciências da Comunicação

– um projeto de pesquisa que apresentarei nesta segunda para o Programa de Bolsas de Iniciação Científica (Pibic-Cnpq)

– a renovação de minha pesquisa junto ao UOL Bolsa Pesquisa

– a minuta de contrato para o financiamento de minha pesquisa aprovada pela Fapesc

Pra variar, os anúncios dos aprovados estão atrasados; deveriam sair em junho.
Se conseguir a metade disso, já estarei bem atribulado no segundo semestre que hoje se inicia…

Não é fácil ganhar R$ 50 mil por mês… heheheh

atlas.jpg

Anúncios

rádios comunitárias

O Observatório da Imprensa publicou uma pesquisa inédita e bastante completa sobre as rádios comunitárias do país. O estudo foi coordenado pelos professores Venício Lima e Cristiano Aguiar Lopes. O título já diz muito: Coronelismo eletrônico de novo tipo (1999-2004).

Veja uma apresentação da pesquisa aqui, e o relatório final aqui.

lançamento

livrinhoo.gif

 

Do release…

“A Intercom e a ECA-USP estão lançando o livro Ensino da comunicação: qualidade na formação acadêmico-profissional, resultante  do I  Endecom – Fórum Nacional em Defesa da Qualidade do Ensino de Comunicação, realizado em São Paulo em 2006, numa parceria entre a Intercom e a ECA-USP.  O evento do I Endecom, centrado no tema  “Ensino de qualidade para todos: a batalha do novo século”, integrou a comemoração dos 40 anos de fundação da ECA-USP (1966-2006) e o lançamento do livro ocorre no ensejo da comemoração dos 30 anos da Intercom (1977-2007).

A obra teve o patrocínio da Arco – Associação de Apoio à Arte e à Comunicação, podendo ser requisitada através dos e-mails arco_central@yahoo.com.br ou intercom@usp.br. Organizada por Margarida M. Krohling Kunsch, ela se divide em três partes: Qualidade no ensino superior; Mercado de trabalho de comunicação; Padrões de qualidade para o ensino de comunicação. Em 216 páginas, se reproduzem as contribuições trazidas para as sessões plenárias pelos seguintes autores, aqui mencionados em ordem alfabética: Claudia Moura, Eduardo Meditsch, Eugênio Bucci, Eunice Durham, Ivone Oliveira, Jaime Giolo, João Winck, Joaquim Valverde, José Schiavoni, José Marques de Melo, Margarida Kunsch e Neusa Gomes”.